Carpintaria

Independente da forma que você utiliza as redes sociais, os social games já estiveram presentes na sua vida em algum momento, seja você que joga durante o dia-a-dia ou seus amigos que publicam atividades. Essas duas formas de engajamento, individual e social, são os principais motivadores para a utilização dos social games (como pesquisou a Raquel Recuero) e responsáveis pelos mais de 60 milhões de usuários mensais de FarmVille e mais de 20 milhões de usuários do Colheita Feliz, entre outros números que causam curiosidade.

Ian Bogost é um curioso pesquisador da área de games que chegou em algumas teorias sobre o assunto. Como ele mesmo afirma que entre teoria e prática existe um discurso panegírico, desenvolveu uma estratégia que ele chama de carpintaria. Ela consiste numa tentativa de destilar o gênero social games até a sua essência e depois trazê-lo de volta, vejam só, na forma de um game! O resultado disso é o Cow Clicker, um jogo de Facebook sobre jogos de Facebook. Ele define seu game como parte sátira, parte uma teoria jogável (playable theory) e parte um honesto exemplo do gênero.

O funcionamento do jogo é o seguinte, a cada seis horas você pode dar um clique na sua vaca, cada clique faz com que você ganhe mais cliques e você pode também clicar nas vacas dos seus amigos. Além disso, você pode comprar vacas premium através de micropragamentos chamados “mooney” e publicar todas suas atividades para seus amigos.

A teoria de Ian Bogost estará em “jogo” no próximo Game Developers Conference onde teremos debates com os principais desenvolvedores de games sobre os social games e sua “Fuck the Users Design Philosophy” como definida pelos “tradicional” game developers .

Não sei se a teoria de Ian se comprovará ao longo do tempo e, pra mim, isso não é tão importante. O mais bacana é a forma prática com que ele defende suas ideias, transformando algo pesado e denso em uma sátira conceitual e até mesmo artística. Acredito que o fato de utilizar todos os fatores de sucesso de um caso, não justifica que ele consiga ser exatamente replicado, a única coisa que realmente podemos comprovar é que o engajamento individual e o engajamento social, hoje em dia, fazem parte de qualquer carpintaria que queira fazer sucesso na internet.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s