Circo Fellini, meio que imperdível.

300px-Casa_Boni_Fachada
Localizado na Marquês do Pombal, a casa Boni se destaca pela sua magnitude, beleza e pela escada central toda em mármore. Ela é uma típica casa burguesa do início do século XX, construída pela engenheiro Armando Boni em 1922 e o antigo lar da produtora TGD. Hoje ela é a sede do Instituto NT de cinema e vídeo, administrado pela mesma produtora, e está com uma amostra muito bacana: Circo Fellini

Circo Fellini

De 18 de setembro até 17 de novembro exibições de desenhos, fotografias, cartazes e, lógico, muitos filmes de Federico Fellini, uma dos mais importantes cineastas italianos. A campanha da mostra ficou muito legal também, com anuncio, spot e tv. Dá uma olhada no filme, também desenvolvido pela TGD, e não deixa de conferir a mostra e a Casa Boni, abre sábado, domingo e é bem pertinho do Parcão.

Advertisements

Em Teu Nome

A produtora DZ Estúdio criou o hotsite para o filme Em Teu Nome produzido pela gaúcha Accorde Filmes,   dá uma olhada: www.emteunome.com.br

emteunome

O filme se passa na década de 70 e conta a história de Boni, um estudante de engenharia que adere a luta armada contra a ditadursa militar. Ele é preso, torturado e banido do país. No Chile, começa a compreender melhor a sociedade e constitui uma família, depois segue para Argélia e França antes de voltar para o Brasil com uma nova dimensão de mundo.

Achei muito bacana o trabalho de divulgação. Eu realmente fico muito feliz de ver trabalhos como esse sendo produzidos, interpretados e comunicados por pessoas daqui. Por mais que tenham leis de incentivo envolvidas, são trabalhos como esse que justificam investimentos no cinema, aproximando-o de projetos realmente lucrativos para empresas privadas trabalharem sua comunicação, como fez a NeoEnergia.

Neste eterno momento de descobertas do que fazer com a comunicação de nossos clientes, a aproximação com trabalho de conteúdo desse porte talvez seja uma alternativa sustentável. A cultura bem feita comunica, não é apenas isenção de impostos!

Coca-Cola Parc

Ontem terminou o Coca-Cola Parc aqui em Porto Alegre. Eu compareci ao evento no fim-de-semana e estava muito bacana. Sinceramente, fazia tempo que eu não via (ou frequentava) algo do gênero: cinema, mix bazar, palco lateral e principal. Abaixo a campanha da DCS com direito a Twitter:

coca-cola-parc              Imagem1

O que mais me impressionou é como essa cultura underground inglesa + emo + rock já está inteiramente consolidada no mainstream, a gurizada estava do AllStar, aos acessórios e cortes de cabelo perfeitamente caracterizados. Inclusive, podia-se fazer a famosa franja cortando diagonalmente a testa, como a dos The Teenagers, no qual assisti ontem. 

07-06-09_1837

Outra coisa bacana, no palco lateral, qualquer pessoa podia subir e cantar uma música. Dois gurizões cantaram NXZero e um magrelo, que estava sentado do meu lado, perguntou se eu sabia tocar Fresno. Ele estava muito nervoso e queria um companheiro, o máximo que pude fazer era incentivar ele a subir no palco e foi o que ele fez, vivenciou uma experiência e um engajamento com a marca que ficará na memória dele e de muitos jovens gaúchos que gostam de Pepsi.

06-06-09_1907

 

Uma pena que não estava próximo de ficar cheio o local. Talvez eu demore para presenciar novamente um evento tão legal e um ótimo entretenimento para o fim-de-semana.